Percepção de professores de 15 países sobre educação para a saúde e para a sexualidade

Résumé : A Educação para a saúde em meio escolar tem vindo a ser implementada através de uma diversidade de estratégias, dependendo do conceito de saúde e de educação para a saúde. Tradicionalmente, tem-se preocupado em fornecer essencialmente conhecimentos científicos, assumindo que uma pessoa saudável é aquela que tem todos os seus órgãos em bom funcionamento. Em contraste com esta perspectiva enquadrada no modelo biomédico (M-B), tem-se vindo a consolidar o modelo biopsicosocial (M-BPS) que engloba uma perspectiva holística da saúde. Neste estudo analisamos e comparamos as concepções dos professores de 15 países sobre a saúde e a educação para a saúde. Diferem geográfica e socio-culturalmente, sendo 3 do norte da Europa (Finlândia, Estónia e Hungria), 5 do Sul (Portugal, França, Itália, Roménia e Chipre), 3 do Norte de África (Marrocos, Argélia e Tunísia), 2 de África Subsaariana, 1 do Próximo Oriente (Líbano) e um da América do Sul (Brasil). Em cada país aplicou-se o questionário do projecto BIOHEAD-CITIZEN a 6 amostras (professores em exercício e futuros professores do Ensino Primário, de Biologia e de Língua Nacional) num total de 6001 respondentes. Os resultados mostraram diferenças significativas entre os países, sendo que os professores da Tunísia são os que têm concepções mais M-B, e os da Finlândia mais M-BPS. A regressão logística mostrou haver uma associação preferencial de grupos (países, religião, grupo de docência e nível de formação) quer à visão B-M quer à M-BPS. Estes resultados podem ajudar a explicar as diferenças em educação para a saúde encontrada entre países.
Type de document :
Communication dans un congrès
III Congresso Nacional de Educação para a Saúde, Dec 2010, Covilhã, Portugal. 2010, Indice. Educação para a saúde, cidadania e desenvolvimento sustentado. Experiências educativas em promoção da saúde
Liste complète des métadonnées

https://hal-clermont-univ.archives-ouvertes.fr/hal-01010747
Contributeur : Julie Pironom <>
Soumis le : vendredi 20 juin 2014 - 13:26:48
Dernière modification le : mardi 3 février 2015 - 16:18:06

Identifiants

  • HAL Id : hal-01010747, version 1

Collections

Citation

Graça S. Carvalho, Rosa Branca Cameira Tracana, E. Araujo, A. Cladeira, Dominique Berger. Percepção de professores de 15 países sobre educação para a saúde e para a sexualidade. III Congresso Nacional de Educação para a Saúde, Dec 2010, Covilhã, Portugal. 2010, Indice. Educação para a saúde, cidadania e desenvolvimento sustentado. Experiências educativas em promoção da saúde. 〈hal-01010747〉

Partager

Métriques

Consultations de la notice

233